IMF Conference “The Global Informal Workforce: Priorities for Inclusive Growth”
Publicada por Maria Paula Custódio, em 2021-07-19 (há 6 dias)

A Diretora Geral do FMI, Kristalina Georgieva, e o Diretor Geral da OIT, Guy Ryder, vão juntar-se para uma conversa virtual no Youtube, sobre os recentes desenvolvimentos na economia informal na próxima sexta-feira, 23 de julho, às 13h00, (horário de Portugal).

Mais de 60% da força de trabalho adulta do mundo, ou cerca de 2 bilhões de trabalhadores, operam na economia informal. A pandemia COVID-19 atingiu duramente os trabalhadores informais e as empresas, particularmente nos países em desenvolvimento onde grandes segmentos da população não são cobertos pelos esquemas de proteção social existentes e dar-lhes acesso melhorado a oportunidades e melhores condições de trabalho tornou-se uma prioridade ainda mais urgente .

Nozipho Tshabalala, CEO da The Conversation Strategists, moderará a conversa, que abordará questões relacionadas à economia informal, incluindo:

O que é exatamente a economia informal e quão grande e diversa é dentro e entre os países?

• Quais são as consequências de trabalhar na economia informal para os trabalhadores e suas famílias?

• Qual tem sido o impacto da pandemia COVID-19 sobre os trabalhadores informais e empresas, e quais respostas de política serão mais eficazes para abordar as questões que surgiram?

• Como a informalidade se relaciona com o crescimento e a desigualdade, incluindo a desigualdade de gênero?

• O que os formuladores de políticas podem fazer para facilitar a formalização gradual da economia e promover um crescimento mais resiliente e inclusivo?

O novo livro do FMI, intitulado “A Força de Trabalho Informal Global: Prioridades para o Crescimento Inclusivo”, que está sendo lançado no evento, oferece um olhar atualizado e oportuno sobre a economia informal em todo o mundo e seu impacto nos resultados macroeconômicos e de desenvolvimento, analisando interações entre informalidade e mercado de trabalho e de produtos, igualdade de gênero, instituições e resultados fiscais, proteção social e inclusão financeira.

 

O livro lança uma nova luz sobre a economia informal, examinando com mais detalhes como medir a informalidade, analisando seus impulsionadores e consequências econômicas e discutindo possíveis respostas de políticas. Uma mensagem chave é que o desenvolvimento sustentável e inclusivo requer uma redução da informalidade ao longo do tempo, mas esse processo será inevitavelmente gradual porque o setor informal é atualmente a única fonte de renda viável para bilhões de pessoas.

Para mais informações https://www.imf.org/en/News/Seminars/Conferences/2021/07/23/the-global-informal-workforce-priorities-for-inclusive-growth